terça-feira, janeiro 06, 2009

Equações

Se bem que uma equação é uma igualdade onde figura sempre, pelo menos, uma letra, as que aqui apresento não têm nenhum número.
Ei-las:

Amor = Amizade + Sexo

Paixão = Sexo - Amor

Amizade = Amor - Sexo

Ódio = Paixão - Amor

Não sei porque escrevo isto. Talvez para adiar o inevitável romance entre João e Tânia!

42 comentários:

miau disse...

a paixão e o sexo são a mesma equação??????

Ninguém teria sexo com alguém que odiasse, acho eu!!!

xeke disse...

talvez a Tânia...

miau disse...

Não!!!
Ninguém equacionou a parte profissional :))

Farpas disse...

Isso são equações muito complicadas para ser interpretadas assim por palavras... isso pedia derivadas, integrais, séries... enfim todas aquelas coisas que toda a gente sabe que existe mas poucas conseguem resolver como deve ser!

Rui disse...

Eu acho que não há equação para o Sexo. Existe e pronto! ;)

miau disse...

Ah!! Então a base é o sexo!! Nesse caso, as equações são perfeitas, mesmo simples...

Sonsdebruniel disse...

Para o Sexo haverá sempre uma equação:
Sexo = Amor + Amizade - ódio + paixão

Em resposta à Miau, Tb se equaciona que:
Sexo = Ódio + Paixão

Há sempre um valor a dar às coisas quer o Muito, o Pouco ou o Igual...

Júlia disse...

Equações, derivadas, integrais, séries... não é o meu forte; é melhor nem me pronunciar acerca. Mas se a frase ainda interessa, sugiro a seguinte:

"Eis tudo: toda a dissonância é uma preparação para a harmonia".

Pertence a Luiz Antonio de Assis Brasil.

De qualquer forma, e se me é permitido opinar, penso que tanto a frase como a capa, deviam ser trabalhadas apenas no final do romance...

:)

André jesus disse...

Sexo é sexo! Equanções são equações! Lol Putas que lêem romances são putas que lêem romances! Escritores são escritores! (por falar nisso, quando é que a história começa?)

André jesus disse...

P.S. Adicionei este blog aos "favoritos" (ainda não me tinha apetecido fazer isso) Penso que é agora que o meu pai me vai por fora de casa. Se ele sonha que ando a ler estas coisas. Abraço professor.

Helena disse...

Quando começa este romance que aguardamos com ânsia.....?

Miau o ódio por vezes traz a paixão e a paixão por vezes traz o ódio... Logo tudo bem embrulhado deve dar sexo... lol

miau disse...

Bem não percebo essa equação, de qualquer das formas agradeço a simpatia da explicação...

Estou contigo andré jesus; sexo é sexo, sem equação possível (sendo maior, menor ou igual).

No entanto, sons de bruniel, nas duas equações apresentadas parece haver alguma confusão!!!! (é + ou - ódio?)

Rui disse...

Penso que o romance irá começar para breve... Estou a reunir condições para isso: Iluminação e harmonia q.b.

Tininha disse...

AMOR=AMIZADE+SEXO

A pessoa que amo é apenas um amigo com quem faço sexo?

PAIXÃO=SEXO-AMOR

Se eu amar não posso estar apaixonada?

AMIZADE=AMOR-SEXO

A amizade resume-se a amar? Mas que tipo de amor? o condicional ou o incondicional?

ÓDIO=PAIXÃO-AMOR

Se eu não sentir paixão ou amor por alguém estou a odiá-la?

Resumindo: Amo uma pessoa, logo não estou apaixonada por ninguém. Tenho 4 amigos que amo, todo o resto odeio.

Boa!

Gosto desta simplicidade complexa da treta...

miau disse...

Sim tininha, mais definista como tu não conheço!!!
Tudo muito bem enquadrado, as coisas dos sentimentos não se conseguem equacionar, são demasiado complexas!!!

O Amor sim, é a base de tudo...
Eu sou apaixonada pelos meus amigos, que amo, nem sempre faço sexo com todos e de resto, não odeio ninguém!

BOA

Julio Machado Vaz disse...

É só para dizer que estou a gostar muito desta discussão! Continuem que eu estou a gostar, além disso aproveito para tirar alguns apontamentos para o meu novo livro, "O sexólogo que lia blogs com título manifestamente sugestivos e conteúdos ainda mais eróticos e confusos".

Por norma sou anónimo mas hoje decidi assinar!

Tininha disse...

@ Miau: LOL

@ Julio Machado Vaz a.k.a. Anónimo: Gosto Gosto. TT

Tomahock disse...

As vossas equações resumem-se ao mais aceite pela sociedade.

Senão vejamos, sexo sem amizade nem paixão nem ódio nem nada. Acontece! Nada como acordar olhar para cima e perguntar... Onde é que eu estou??? Virar para o lado e perguntar Quem és tu? Ela/ele estava de costas ir olhar a cara e AFIRMAR Ao menos eras bonita/o!!!

A paixão... eu às vezes tou a ver algumas séries e filmes e durante uns tempos fico apaixonado pela pessoa... Por exemplo A jennifer love hewit (ou lá como se escreve!) a nikki sanders (ou lá como se escreve!!) a cameron do dr.house que agora n me recordo do nome nem me apetece procurar!!!

O amor é a coisa mais relativa do mundo, tanto posso amar agora uma como amanhã outra e só por isso o amor é impossível de encaixar qualquer em qualquer equação.

O ódio... pah... tem que haver em qualquer relação, senão torna-se monotona!

E assim acabo o comentário a alguem que comenta noutro blog! (leia-se comentário extenso aka bíblia aka testamento.)

Farpas disse...

O que eu acho espectacular nisto tudo é as diferentes ideias que cada um tem, só prova que nós é que definimos estas palavras e nenhum dicionário o pode fazer correctamente! Cada qual vive esses sentimentos à sua maneira, por isso é que é muito dificil duas pessoas dizerem "Amo-te" uma à outra e estarem a dizer a mesma coisa! A palavra é a mesma mas o significado, mesmo que seja verdade o que estão a dizer, pode ser completamente diferente, quando o que dizem é realmente igual então a definição é ainda mais dificil de fazer! Impecável! Estou como o Julio Machado Vaz, estou a gostar desta partilha de ideias!

Tininha disse...

Sexo sem sequer atracção física, acordar na casa de um estranho sem sequer saber a sua cara = desilusões amorosas com muito, muito álcool misturado. Ao menos era bonita... Boa!

Hoje amas uma,amanhã amas outra????
Tens a certeza que estás a falar de amor?

És um Dom Ruan...
Ou isso ou um ser muito instável...

Vê lá se a senhora dos testamentos ainda vem dizer que não saíste da puberdade. Lol

(Gosto sempre destas discussões... E os Padres deviam casar? LOL)

Farpas disse...

@Binya a.k.a. tininha: tu hoje estás imparável! A cima de ti só o Benfica!

Tomahock disse...

@Tininha Tal como fiz um exemplo de um caso tu fizeste de outro. A amnésia é um doença e a pessoa portadora não deve ser descriminada por causa disso. Além disso tens alguma coisa contra o alcool? Até te digo mais, eu pessoalmente deixei de beber qualquer tipo de bebida alcoolica, por isso... Não entendi se foi alguma indirecta pois se tens alguma coisa a dizer só tens de dar uns quantos passos e sair do teu quarto de princesa.

Embora tu possas ter dado a tua opinião pessoal, eu apenas tentei criar um ambiente fértil para a criação do romance. Cada um opina à sua maneira, e não gostei nada de teres criticado uma maneira de ver. Já te o disse na cara e digo agora aqui para todos lerem.

Tininha disse...

Indirecta... Parece-me a mim que fui bastante directa!

Falas de amor uma leviandade exagerada... Não vim discutir se a minha ideia de amor é a mais correcta ou não, vim apenas demonstrar (à minha maneira) que é patético equacionar relações, sejam elas de amor, ódio, amizade ou puramente físicas.

Quanto à tua opinião sobre amar hoje uma e amar amanhã outra acho que o que deve acontecer é dizeres amo-te à primeira que acontece.

Posso ter um quarto de princesa, mas vivo a vida sem ilusões.

Já tu se calhar...

Tomahock disse...

Pensava que me conhecias melhor...

Provavelmente essa do dizer que te amo à primeira que aparece até deve resultar, nunca experimentei mas se tu pensas que sim... Tu conheces bem as minhas 'babes', e sabes também que não foram casos de uma noite, não consigo mesmo perceber porque estás a escrever assim para mim...

Parece-me mesmo que se calhar a única ilusão que tenho és tu... O que parece.. às vezes não é.

Rui disse...

E eis que a saudável discussão surge!!!
De facto, as opiniões são como as vaginas e todos temos, nessa comparação, algo de Tânia. Mas enquanto nós damos a nossa opinião, ela vende (opiniões, claro! neste romance com João).

Fiquei feliz por ler tantos comentários e ver que a Tininha e o Tomahock se estão a dar tão bem nesta troca de opiniões. LOL

Mas uma coisa é certa...
No meio disto tudo, duas frases apareceram que ficaram na minha cabeça e que prometo utilizar no romance. Se não for na página imediatamente a seguir à folha de rosto, é no meio da história. Ei-las:

"É muito dificil duas pessoas dizerem "Amo-te" uma à outra e estarem a dizer a mesma coisa!"
Ass: Farpas

"Posso ter um quarto de princesa, mas vivo a vida sem ilusões".
Ass: Tininha

Mas tal como escrevia alguém, a frase deve aparecer depois do romance escrito...

Rui disse...

É verdade... Júlio Machado Vaz!! Que prazer lê-lo no meu blog.
Porém, chegou tarde, como viu. Por aqui tenho conselheiros competentes, que me vão orientando.
Tem visto a Dr.ª Marta Crawford???

Tininha disse...

Vim comentar um tema e não discutir diferenças de personalidade!
Não queria criticar ninguém, porque, como o Farpas diz, existem várias formas de viver e de sentir a mesma palavra.

Não vou pedir desculpa por me estar a expressar e tenho pena do rumo da conversa ter ido por outros caminhos, mais pessoais, do que aqueles que imaginei. Quase tudo foi em jeito de brincadeira, não pensei que estava a falar para uma "florezinha de estufa" a quem nada pode ser dito...


Tão banais na vivência ou descrição de algumas coisas e tão inflexíveis com outras...

Tudo aquilo que sou transpareço.
Tudo aquilo que digo não escondo.
Tudo aquilo em que acredito não me foi dito, é vivido.

Acabei de provar a mim própria que a definição de amizade não é equacionável...

Tomahock disse...

Não foste para o pessoal? Vou-te citar: "Indirecta... Parece-me a mim que fui bastante directa!"

Nunca te vi como cínica mas... Hoje pode estar SOl e amanha pode chover...

Tenho pena por ti.

Tininha disse...

Não tenhas...

miau disse...

E juízo temos???
Mesmo que não consigamos entender a opinião dos outros, devemos respeita-la sempre... Sem ataques nem defesas!

São apenas duas pessoas que vivem o amor de forma diferente, sentem-no de forma diferente, como diz o farpas!!

De resto, muito amor senti nestes comentários

Helena disse...

O amor sente-se aqui....

No meio destes comentários sente-se o amor...

Mas afinal o que será o

Amor?

Amizade?

Ódio?

Paixão?

Acho que depende de cada pessoa...

Será que o amor é as pessoas olharem as duas para o mesmo lado em vez de olharem para a frente???????

André jesus disse...

"De facto, as opiniões são como as vaginas" (!!!!!!!)

Epáh :D (não dá) (assim não dá) :D

xeke disse...

a mim parece-me mais lavagem de roupa suja...
vejam lá se o autor ainda desiste da ideia e procura fazer a estória baseada nestas discussões...

Farpas disse...

Oh, então vocês ainda ligam a esses dois? lol

Sim o amor anda por aqui, aliás muitas formas de amor! Com equações, sem equações... cada qual à sua maneira!

Rui disse...

Só me dá vontade de dizer:
"Vocês não são um público, são um músico!!!"

Rui disse...

Xeke,
A tua ideia é boa. Escrever sobre o pessoal... mas já fiz isso nos outros livros que escrevi ;)

Tininha disse...

Nunca me diverti tanto... fartei-me de rir com esta história toda.
Não se trata de lavar roupa suja, até porque o Tomahock tem o dom de desempenhar papéis diferentes daquilo que ele pensa só para picar...
Se assim não fosse qual era a piada!
Obrigada, companheiro de discussões...
Venha o próximo tema! LOL
Os sentimentos são mesmo, mesmo, indefiníveis...

Sonsdebruniel disse...

Depois de "ler" tantas farpas lançadas, troca de palavras e afins eu só tenho a dizer à Miau que não existe engano nenhum nas equações apresentadas. Repara que os termos e as variáveis são diferentes.
Também concordo com aquela do S= paixão- amor... ou algo assim ( depois de tantos comentários perdemo-nos!)

Tomahock disse...

Se bem que a discussão entre mim e a Tininha tenha sido um pouco combinada eu adoro ter uma boa argumentação mesmo se tiver a defender um lado que não concordo! É bom! Deviam tentar fazer o mesmo!

Farpas disse...

@Sons de Bruniel: então mas o que está a dizer é que:

Sexo = Amor + Amizade - ódio + paixão

Sexo = Ódio + Paixão

Assim sendo:

Amor + Amizade = Ódio + Ódio ????!!!

Não pode ser! Nem todas as equações podem ter ódio porque senão a vida é uma bosta!!

Sonsdebruniel disse...

Assim não saímos daqui.
Cada um que equacione o que para si é o dito cujo
e Farpas:tens toda a razão!!!

Rui disse...

Concordo Sons de Bruniel!
Cada um que equacione o que para si é o dito cujo!
Bem haja a todos!